contato@taroando.com.br
TAROANDO DO MÊS

TAROANDO DO MÊS

O TAROANDO DO MÊS traz um arcano que nos dirá qual será a tendência e energia do mês regente. Tiro uma carta no tarô e levanto os principais aspectos que ele traz, analisando e abordando-os, além de trazer conselhos que possam ser úteis a todes.

 

ARCANO DO MÊS DE DEZEMBRO - A JUSTIÇA
01/01 a 31/01

Mês de Dezembro foi lento, mas leeeeento quase parando, né? A carinha do quatro de ouros mesmo. Onde as ideias parecem que não rendiam, pouca coisa fluia e um peso bem complexo de entender e explicar, né? 

Mas chegou ao final e agora entrando em 2022, janeiro, temos um arcano maior: A Justiça. Ela, que direta ao ponto, evidencia o resultado das nossas construções ao longo do ano de 2021. É um fechamento e também uma revisão do que a gente foi ao longo de 2021, né? Parece que entraremos em Janeiro já visualizando e buscando o que vamos construir para o que virá.

Justiça na dorme no ponto, já coloca tudo no papel; o que busca, o que quer fazer, suas metas e como vai atingir. Seremos mais metódicos, embora mês de férias para muitos, a sensação aqui não é de desleixo não, é de atenção redobrada. É reconhecimento que não vamos ficar parades e nem dormir no ponto. 

ENERGIA GERAL: Justiça é arcano da praticidade e que lida com questões práticas de maneira mais fácil. Ela é ligada às questões burocráticas, documentos, assuntos que exigem uma cabeça mais fria, objetividade. Então por isso acredito muito em um Janeiro atípico, pois a tendência é, ao invés de colocar os pés para os ares, querer consertar algumas coisas, adiantar alguns planos e outros já colocar em prática.

NO AMOR: Pode ser que deixemos um pouco de lado, esse assunto. A Justiça não é bem amorzinho, embora ela queira deixar tudo a pratos limpos, o que implica também em querer tirar satisfações com a pessoa parceira, ou mesmo, para quem está solteire, de colocar em xeque o que vale ou não vale a pena nesse momento. De qualquer forma, as nossas atitudes nesse mês tendem a ser bem firmes, pés no chão, sem romantizar demais...

EM UM MOMENTO DIFÍCIL: Leve a Justiça ao pé da letra, sem romantizar, cabeça fria, sem colocar as ansiedades em evidência. Ela encara os fatos como eles são e sabe, as vezes fazer isso deixa as coisas mais "fáceis" para serem encaradas. Muitas vezes as emoções nos influencia bastante diante dos momentos difíceis e isso pode dificultar ainda mais a lidar com essas.

CONSELHO GERAL: Não deixe para lá o que pode ser feito hoje, nesse mês, né? Vamos encarar os fatos, não fugir e fazer o que precisamos fazer. Se fugimos de algo, é momento de encarar, se estivermos colhendo algumas ações do passado, vamos pegar a deixa também! A Justiça nos acompanhará nesse primeiro mês de 2022 para já nos trazer as prévias do que será o ano, será? 

Que seja um Janeiro de consciência social, amor ao próximo e muita sabedoria!

Diana Prates


Conselhos amorosos? Vem com a nossa equipe e faça uma consulta individual pelo site!